21 de fev de 2012

Quando uma “formiga” não é uma formiga?



A foto acima é de uma formiga? Será?

Formigas são artrópodes da classe dos insetos, e como tal, possuem o corpo dividido em três partes, cabeça, tórax e abdome. Articulados ao seu corpo há três pares de patas, um par de antenas, dois pares de asas e um par de mandíbulas. Possuem também na cabeça um par de olhos compostos (omatídeos).

Figura: Formiga verdadeira.

Já aranhas são artrópodes da classe dos aracnídeos, e como tal, possuem o corpo dividido em duas partes, cefalotórax e abdome. Articulados ao corpo há 4 pares de patas, um par de pedipalpos e um par mandíbulas modificadas a inoculação de veneno, as quelíceras. Os aracnídeos possuem vários pares de olhos simples e não possuem antenas. A aranha da primeira foto aparenta ser uma formiga, pois possui o cefalotórax e o abdome alongados e estreitos ficando com a forma semelhante a de algumas formigas. Andam com o primeiro para de patas projetadas para cima para que pareçam antenas. Possuem um coloração típica de algumas aranhas.  
Figura: Aranha mimetizando uma formiga.

Um caso de mimetismo

É! A “formiga” acima não é uma formiga! É uma aranha mimetizando uma formiga. A semelhança entre esta aranha e uma formiga é um caso de mimetismo, um processo onde uma espécie mimética apresenta características que a tornam semelhante uma espécie modelo. A aranha (espécie mimética) apresenta forma, tamanho, coloração, comportamento que a torna semelhante a uma formiga (espécie modelo). Tal semelhança ajuda estas aranhas a se protegerem de predadores naturais que temam formigas, permite que a aranha passe despercebida entre formigas predadoras de aranhas e ainda facilita a captura das formigas pela aranha.

Mais exemplos de aranhas mimetizando formigas



Vídeo de uma aranha mimética de formigas


Nenhum comentário:

Postar um comentário